• Piscina exterior
    Piscina exterior
  • Almofadas que rodeiam a piscina exterior e convidam a relaxar ao sol
    Almofadas que rodeiam a piscina exterior e convidam a relaxar ao sol
  • Recepção do spa
    Recepção do spa
  • Na recepção estão à venda produtos Clarins e Aromatherapy, as marcas com que o spa trabalha
    Na recepção estão à venda produtos Clarins e Aromatherapy, as marcas com que o spa trabalha
  • A suite do spa onde se fazem tratamentos a dois
    A suite do spa onde se fazem tratamentos a dois
  • Na sala de tratamento a dois, também é possível desfrutar do jacuzzi
    Na sala de tratamento a dois, também é possível desfrutar do jacuzzi
  • Piscina interior aquecida
    Piscina interior aquecida
  • Sala de relaxamento
    Sala de relaxamento
  • Todos os rituais de tratamento começam com um banho aos pés
    Todos os rituais de tratamento começam com um banho aos pés
  • As águas Vidago estão espalhadas por todo o spa
    As águas Vidago estão espalhadas por todo o spa

Spa Vidago Palace

O toque da Clarins em Vidago

A abertura do primeiro spa Clarins em Portugal foi pretexto para uma visita ao Hotel Vidago Palace. Esfoliações, máscaras, massagens e outros pequenos mimos depois, deixámos lá ficar uma bela carga de stress.

Há quase dois anos que o arquitecto Siza Viera criou um spa moderno que convive em plena harmonia com o edifício Belle Époque que acolhe o Hotel Vidago Palace. Dentro do parque repleto de árvores centenárias, o spa recebe a água mineral com propriedades terapêuticas, conhecidas desde o século XVII, para utilização em tratamentos termais. Um local onde dá sempre prazer voltar para recarregar as baterias do corpo.

Recentemente, o Vidago Spa ganhou novas fragrâncias, oriundas da aromaterapia, que fazem parte do universo da Clarins. A marca francesa é uma novidade em spas em Portugal - este é o primeiro a recebê-la - mas as fórmulas dos seus produtos, elaboradas a partir de extractos de plantas e tratamentos 100% manuais, têm fama mundial.

A Clarins foi criada em 1954 e deve o seu sucesso a Jacques Courtin, um massagista francês que dedicou a sua vida a saber o que é que as mulheres desejam. "O que há de mais nobre, de mais apaixonante, do que tratar da beleza das mulheres? A beleza não é fútil. Quando levada a sério é uma terapia", escreveu Jacques Courtin no livro onde conta a sua história de empreendedorismo - A fabulosa aventura da Clarins (Clarins. Março 2011).

Jacques Courtin começou por se aventurar no universo das plantas para descobrir os seus benefícios para a pele. O massagista utilizou os seus extractos de óleos essenciais como ponto de partida para criar a marca de cosmética. Sempre de ouvido atento às preocupações das mulheres, muitos dos produtos foram desenvolvidos a partir de sugestões dadas por algumas das clientes

Criou também a Escola dos Técnicos de Beleza e Esteticistas, onde ensinou o método Clarins, técnicas de toque e massagem nascidas apenas da observação e experiência. Desta técnica não constam manobras que visem distender, beliscar ou esfregar a pele, porque "o envelhecimento é a pele a distender-se", defendia Courtin, o homem que quis ajudar as mulheres a sentirem-se bonitas.

Tratar através do tacto

Antes de receber os benefícios dos produtos e técnicas da Clarins, experimentamos as águas terapêuticas que dão o nome ao spa e hotel num duche Vichy com esfoliação corporal à base de óleos essenciais.

Já na sala de tratamento de rosto, a primeira coisa que desperta os sentidos é um aroma cítrico energético: "É a Eau Dinamizante, uma fragrância que combina o aroma das plantas com os seus benefícios em termos de bem-estar", diz o terapeuta Ricardo Guerra, enquanto vai fazendo uma avaliação das necessidades da pele que lhe permite escolher os produtos e as técnicas a aplicar.

"A sua pele está desidratada - beber água ajuda - e revela alguma tensão. Tem dificuldades para dormir?", pergunta Ricardo Guerra.

"Não, apenas pouco tempo para o fazer", respondemos. Percebeu que a carga de stress acumulada era grande. "Vamos então tratar de dar algum descanso à sua pele." Entregamo-nos assim ao ritual de rosto Clarins, aproveitando a sensação de bem-estar causada pelas toalhas quentes que limpam mãos e pés antes de estes receberem alguns movimentos de massagem. E funciona. Pouco a pouco, a pressão no corpo diminui e a descontracção começa a fazer-se sentir.