Reuters/JONATHAN ERNST

Donald Trump

Escuteiros pedem desculpa por Trump

Num discurso direccionado aos escuteiros, o Presidente dos EUA decidiu acrescentar temas políticos.

Em resposta à reacção negativa gerada pelo discurso de Donald Trump num evento nacional de escuteiros, o chefe executivo da organização, Michael Surbaugh, veio pedir desculpa publicamente.

Trump aproveitou a ocasião – em frente a 40 mil escuteiros – para elogiar a sua vitória eleitoral, criticar os fake news media, Obama e o "pântano de Washington" e mencionar a lealdade dos rapazes, em jeito de crítica aos políticos em Washington.

“Quero estender as minhas sinceras desculpas às pessoas na família de escuteiros que se sentiram ofendidas pela retórica política que foi inserida no jamboree (festa)”, escreve Michael Surbaugh, em carta aberta. Referindo que o convite ao Presidente é uma “tradição de longa data”, acrescenta ainda que ao longo do tempo a organização tem mantido um estatuto “não partidário” e recusado “comentar assuntos políticos”.