Liam Gallagher e Chris Martin
Liam Gallagher e Chris Martin Reuters/HANDOUT

Música

Liam Gallagher insulta o irmão por não ir ao concerto One Love Manchester

Ariana Grande reuniu um conjunto de estrelas da música para angariar fundos para as vítimas do atentado na cidade britânica.

No palco de Old Trafford, em Manchester, Liam Gallagher cantou com os Coldplay e, mais tarde, aproveitou para atirar uma farpa ao irmão Noel por não ter marcado presença no concerto de angariação de fundos para as vítimas do atentado naquela cidade britânica, após um concerto de Ariana Grande, em Maio passado. 

Pelo palco, ao final da tarde de domingo, passaram vários artistas, como Katy Perry, Justin Bieber, Robbie Williams, Miley Cyrus e Liam Gallagher. Para o músico dos Oasis só faltou o irmão.

No Twitter, Liam escreveu vários tweets sobre a noite de domingo. Começou por dizer que foi "incrível", com "vibrações de amor puro". Continuou pedindo desculpas pela ausência do irmão que está fora do país, confessou que ele próprio estava "muito desapontado" e terminou com um ralhete dirigido a Noel, cheio de insultos.

Face à reacção do músico, houve fãs que perguntaram se os Oasis voltariam a juntar-se, mas Liam fugiu à questão afirmando que o que está em causa não é o regresso da banda de Manchester, mas "haver pessoas que ajudam outras pessoas".

Inicialmente Liam Gallagher disse ao canal 1 da BBC Radio que não marcaria presença no concerto de domingo, mas acabou por aparecer de surpresa e cantar com os Coldplay o tema Live Forever, Rock and Roll Star e o seu novo single Wall of Glass.