• O novo Octo Finissimo Automatic da Bulgari quebrou recordes em Basileia
    O novo Octo Finissimo Automatic da Bulgari quebrou recordes em Basileia DR
  • A Rolex anunciou a chegada de um novo modelo com uma caixa mais ampla e um novo calibre
    A Rolex anunciou a chegada de um novo modelo com uma caixa mais ampla e um novo calibre DR
  • O novo Connected 45 utiliza o Android Wear 2.0 como sistema operativo e inclui GPS e NFC
    O novo Connected 45 utiliza o Android Wear 2.0 como sistema operativo e inclui GPS e NFC DR
  • A caixa em ouro branco tem 40 milímetros de diâmetro
    A caixa em ouro branco tem 40 milímetros de diâmetro DR
  • É o primeiro modelo automático do relojoeiro suíço
    É o primeiro modelo automático do relojoeiro suíço DR
  • A caixa é de ouro rosa e tem 40.5 milímetros de diâmetro
    A caixa é de ouro rosa e tem 40.5 milímetros de diâmetro DR
  • A marca americana estreia-se nos relógios conectáveis com o Movado Connect
    A marca americana estreia-se nos relógios conectáveis com o Movado Connect DR
  • A primeira colecção estará disponível em Setembro, com preços entre os 50 e os 250 euros
    A primeira colecção estará disponível em Setembro, com preços entre os 50 e os 250 euros DR

Luxo

Oito dias e oito novidades na Baselworld

A 100ª edição da feira Baselworld termina esta quinta-feira. Foram oito dias de novidades do mundo da alta relojoaria e joalharia.

É em Basileia que se reúnem todos os anos algumas das maiores marcas de relojoaria e joalharia, para apresentar as suas novidades. Baselworld é maior e mais importante feira do sector e este ano celebra o importante marco dos 100 anos.

Durante os oito dias da feira ouviu-se muito falar da palavra heritage. A Omega celebrou o 60.º aniversário do Railmaster com um modelo contemporâneo e a Patek Philippe fez o mesmo com o Millennials’ Nautilus, que foi lançado há 20 anos. Já a Rolex marcou o meio século do Oyster Perpetual Sea-Dweller.

Os dez stands mais impressionantes da Feira de Basileia

Os smartwatches também deram que falar. A Tag Heuer, que lançou o seu primeiro relógio connectable em 2015, apresentou o Tag Heuer Connected 45 e a Movado entrou na corrida com o modelo Connect. Ambas utilizam a mais recente versão de Android Wear (2.0) como sistema operativo. Mas há mais novidades e o Life&Style seleccionou oito, uma por cada dia da feira.

Bulgari Octo Finissimo Automatic
Com uma caixa de 5.15 milímetros de espessura, o novo Octo Finissimo Automatic da Bulgari quebrou recordes em Basileia — os movimentos têm apenas 2,23 milímetros. É o relógio mecânico automático mais fino no mercado. Num ano em que muitos apostaram na herança do passado, a marca italiana investiu na inovação e criou um relógio que muitos entendidos consideraram ser agradável a nível estético e confortável no pulso.

Rolex Sea-Dweller
Meio século depois do lançamento do primeiro Oyster Perpetual Sea-Dweller (um modelo para mergulhadores), a Rolex anunciou a chegada de um novo modelo com uma caixa mais ampla e um novo calibre. Construído a partir de um tipo resistente de aço inoxidável, o relógio pode chegar aos 1200 metros de profundidade. Tem um mostrador preto luminescente, a clássica bracelete Oyster e o movimento 3235 (um modelo de nova geração desenvolvido e manufacturado pela Rolex).

Tag Heuer Connected 45
A marca relojoeira apresentou o seu primeiro relógio connectable em 2015. O novo Connected 45 utiliza o Android Wear 2.0 como sistema operativo e inclui GPS e NFC.  Entre as funcionalidades que oferece estão as notificações, mapas, o comando de voz, o Google Translate e compatibilidade com aplicações da Play Store. O relógio tem uma resistência de até 50 metros e uma bateria de lítio que dura 24 horas. Há 56 versões disponíveis e os utilizadores podem escolher entre 30 mostradores digitais.

Patek Phillippe Reference 5320 Perpetual Calendar
“Um novo Perpentual Calender [uma complicação que permite prever a data, por vezes, mais de um século para a frente] da Patek Phillippe é sempre algo merecedor de atenção”, explica Benjamin Clymer, do site Hodinkee, à CNN. O novo Reference 5320 da marca vai buscar referências a modelos do passado, resultando num modelo com um aspecto vintage, mas actual. A caixa em ouro branco tem 40 milímetros de diâmetro.

Romain Gaultier Insight Micro-Rotor
É o primeiro modelo automático do relojoeiro suíço. O movimento foi desenhado totalmente pela marca e, como o próprio nome indica, é o micro-rotor (de ouro sólido de 22 quilates) que se destaca. A caixa de 39.5 milímetros (disponível em ouro e platina) é construída de uma forma que permite que o rotor seja visível com o relógio no pulso – algo bastante raro. Tem uma reserva de 80 horas. Segundo a Hodinkee esta é uma edição limitada de 30 peças, com um preço de  75.000 francos suíços (aproximadamente 69.942 euros).

Slim d’Hermès L’Heure Impatiente
Além de apresentar um calendário perpétuo com um mostrador azul, a Hermès surpreendeu também com o seu Sim d’Hermès L’Heure Impatiente, um relógio com uma complicação que permite definir um alarme para uma altura específica nas 12 horas seguintes. Uma hora antes de tocar — com o som de um leve gongo —, um dos ponteiros do mostrador começa a fazer countdown. A caixa é de ouro rosa e tem 40.5 milímetros de diâmetro.

Movado Connect
A marca americana estreia-se nos relógios conectáveis com o Movado Connect — sendo que em 2015 lançou o Bold Motion, um modelo híbrido com notificações. O mostrador, como seria de esperar, mantém o design minimalista, com um icónico ponto a indicar as 12 horas, semelhante ao modelo Museum. O relógio deverá ser lançado no Outono e ter um preço de 495 dólares (aproximadamente 461 euros), de acordo com o The Verge.

Swarovski e Karl Lagerfeld
O criador alemão e a marca de joalharia conhecida pelos seus cristais juntaram-se para criar uma série de colecções. A primeira estará disponível em Setembro, com preços entre os 50 e os 250 euros. Foram lançadas durante a semana da feira as primeiras imagens das peças resultantes da parceria.