Reuters/ANDREW KELLY

Semana da Moda

Kanye West apresentou mais uma colecção para a Adidas

Em Nova Iorque, o rapper apresentou a sua quinta colecção de roupa desportiva.

A semana da moda em Nova Iorque continua e na quarta-feira à noite coube a Kanye West apresentar ao seu desfile da colecção Yeezy para a Adidas. Não é a primeira vez, mas esta terá sido a mais consistente, dizem os críticos ouvidos pela Reuters.

Na verdade, é já a quinta temporada que o rapper de 39 anos faz para a marca de desporto alemã. Ao contrário do que aconteceu noutras vezes, nesta quarta-feira o espectáculo não foi transmitido ao vivo no site de streaming de música Tidal e foi à porta fechada, sem direito a fotografar, o que deixou alguns espectadores desiludidos. No entanto, tal não impediu que durante o desfile tenham sido publicados aproximadamente 150 posts por minuto no Twitter, com referência à linha Yeezy, segundo os dados da Zoomph, empresa de análise de media social.

Para Rickie De Sole, editor de moda e acessórios da W Magazine, esta apresentação foi o "desfile de moda mais tradicional que ele fez". Isto porque "parecia um desfile de moda sério, com substância, menos ruído e era realmente sobre moda", acrescentou, citado pela Reuters. 

A colecção apresenta peças em denim, calças de ganga de cintura alta, camisolas com gorros (hoodies), bonés de beisebol, botas de cano alto e, é claro, sapatilhas.

A modelo muçulmana Halima Aden, uma jovem norte-americana de 19 anos, de origem somali, desfilou vestindo um casaco de peles e com o tradicional hijab na cabeça, a sua imagem de marca.

Na primeira fila do desfile esteve a mulher do rapper, Kim Kardashian, e a famosa editora da Vogue Anna Wintour. Kim apareceu vestida pelo marido.

Esta foi a primeira grande aparição pública de Kanye West depois de ter sido hospitalizado por exaustão há três meses. Durante a campanha às presidenciais norte-americanas o cantor deu o seu apoio a Donald Trump, com que se encontrou logo após as eleições. Recentemente, no início deste mês, West apagou todas as referências a Trump da sua conta no Twitter.