• A cantora Rihanna num vestido Armani Prive
    A cantora Rihanna num vestido Armani Prive AFP/Niklas Hallen
  • A cantora Alesha Dixon
    A cantora Alesha Dixon AFP/Niklas Hallen
  • A banda britânica Little Mix
    A banda britânica Little Mix REUTERS/Paul Hackett
  • Alexa Chung
    Alexa Chung REUTERS/Paul Hackett
  • A modelo britânica Abbey Clancy
    A modelo britânica Abbey Clancy REUTERS/Paul Hackett
  • A cantora e compositora Cheryl Fernandez-Versini
    A cantora e compositora Cheryl Fernandez-Versini AFP/Niklas Hallen
  • Adele, a grande vencedora da noite, vestiu Giambattista Valli
    Adele, a grande vencedora da noite, vestiu Giambattista Valli AFP/Niklas Hallen
  • A cantora Emma Bunton
    A cantora Emma Bunton REUTERS/Paul Hackett
  • A cantora Geri Halliwell
    A cantora Geri Halliwell AFP/Niklas Hallen
  • O cantor James Bay
    O cantor James Bay AFP/Niklas Hallen
  • A cantora Kylie Minogue
    A cantora Kylie Minogue AFP/Niklas Hallen
  • Laim Payne e Louis Tomlinson, da banda One Direction
    Laim Payne e Louis Tomlinson, da banda One Direction AFP/Niklas Hallen
  • A cantora Tallia Storm
    A cantora Tallia Storm REUTERS/Paul Hackett
  • A cantora Lana Del Rey
    A cantora Lana Del Rey REUTERS/Paul Hackett
  • A modelo britânica Lily Donaldson
    A modelo britânica Lily Donaldson AFP/Niklas Hallen
  • A cantora Fleur East
    A cantora Fleur East REUTERS/Paul Hackett
  • Lianne La Havas
    Lianne La Havas AFP/Niklas Hallen
  • A cantora Florence Welch
    A cantora Florence Welch REUTERS/Paul Hackett
  • A cantora Ella Eyre
    A cantora Ella Eyre REUTERS/Paul Hackett
  • O modelo norte-americano Lucky Blue Smith
    O modelo norte-americano Lucky Blue Smith REUTERS/Paul Hackett
  • A designer Pam Hogg com uma “mulher misteriosa” que vestiu um macacão preto transparente, com apenas duas estrelas nos mamilos
    A designer Pam Hogg com uma “mulher misteriosa” que vestiu um macacão preto transparente, com apenas duas estrelas nos mamilos REUTERS/Paul Hackett
  • A cantora Jess Glyne
    A cantora Jess Glyne AFP/Niklas Hallen

Passadeira vermelha

A passadeira vermelha dos Brit Awards não foi “aborrecida” mas pode ter sido “a pior de sempre”

Os Brit Awards realizaram-se esta quarta-feira à noite na O2 Arena, em Londres.

A passadeira vermelha dos prémios da indústria musical britânica não foi “aborrecida”, houve mais do que os eternos vestidos pretos e brancos, mas não impressionou. O tablóide britânico Mirror descreve-a como “a pior passadeira vermelha de sempre” e o sentimento ecoa noutras publicações internacionais – os folhos foram a grande tendência de uma noite que até teve dois vestidos iguais.

A maior surpresa foi a escolha de Adele, a grande vencedora da noite. A cantora de 27 anos, que venceu quatro prémios, escolheu um modelo em tom diferente dos que escolhe habitualmente para estas cerimónias: o vestido bordô fluido Giambattista Valli, com decote e folhos, foi elogiado. Rihanna, com um vestido Armani Privé em tons lilás, também com folhos, e tatuagens em henna nas mãos levou glamour à passadeira vermelha.

Os elementos da banda britânica Little Mix vestiram-se de branco e dourado. “Pareciam Barbies com um styling mal feito pela Mattel”, compara o Sidney Morning Herald.

A modelo britânica Lily Donaldson, um dos Anjos da marca de lingerie norte-americana Victoria’s Secret, escolheu um vestido de uma só alça com uma racha pronunciada. Alexa Chung e Ella Eyre optaram pelo preto, mas mais discreto e em veludo.

O Guardian coloca entre os “falhanços” da noite os vestidos iguais de Jessica Wright e Maya Jama – longo, justo, preto no corpo e com um decote em barco amarelo; Wright com uma gargantilha preta, Jama com brincos compridos – o vestido com padrão leopardo da cantora britânica Geri Halliwell ou a criação floral envergada por Lana Del Rey.

O maior choque da noite, para o Mirror, foi a acompanhante da designer Pam Hogg. A “mulher misteriosa” vestiu um macacão preto transparente, com apenas duas estrelas nos mamilos e umas luvas altas, pretas.

Consulte aqui a lista completa de vencedores dos Brit Awards 2016.