AFP/Daniel Bar

Família de Letizia suspeita de ocultar bens

Os escândalos não querem deixar a família real espanhola. Depois do envolvimento do marido da infanta Cristina num caso de desvio de dinheiros públicos e da polémica com a caçada do rei no Botswana, agora é a vez de a família de Letizia Ortiz estar sobre os holofotes.

O pai, a tia e avó paterna da princesa das Astúrias estão a ser investigados por alegadamente terem ocultado bens para fugirem a uma dívida que ronda os 22.000 euros, contraída por Henar Ortiz Alvarez, irmã do pai de Letizia, com uma pequena loja que manteve em Cangas de Onis, nas Astúrias. A avó da princesa, Menchu Álvarez del Valle, esteve ontem a ser ouvida num tribunal de Cangas de Onis e os dois filhos, Jesus Ortiz Alvarez (pai de Letizia) e Henar, serão interrogados em Madrid e Oviedo, respectivamente. O processo começou com a queixa de um particular contra a tia da princesa, mas depois de investigar o Ministério Público considerou que a mãe desta e o irmão também podiam estar envolvidos na ocultação dos bens.