Celler de Can Roca

Joan Roca conta como três irmãos criaram “o melhor restaurante do mundo”

Em Portugal para o Festival Internacional Gourmet do Vila Joya, o chef catalão do El Celler de Can Roca explica como por detrás do restaurante número 1 da lista do World’s 50 Best está uma história de família.

A primeira coisa que chama a atenção em Joan Roca é a serenidade. O chef do El Celler de Can Roca, o restaurante de Girona, Catalunha, que foi considerado o melhor do mundo pelos peritos da revista Restaurant, veio ao Algarve, ao Festival Internacional Gourmet do hotel Vila Joya, para apresentar alguns dos grandes clássicos do seu restaurante. Quando, a meio da tarde, exemplificou à equipa como é que se empratava uma das suas criações, instalou-se um silêncio quase religioso na habitualmente agitada cozinha do Vila Joya. 

Ao Life & Style falou sobre o triângulo perfeito que criou com os seus dois irmãos mais novos, Josep, o sommelier do Celler de Can Roca (mas que na verdade é muito mais do que isso, até porque se devem a ele grandes pratos que nasceram precisamente da relação com os vinhos), e Jordi, o criador das sobremesas, que Joan descreve como “o punk” da família, aquele que tem mil ideias impossíveis, e, no meio delas, uma que é genial, e possível. 

A Joan cabe pegar em todos estes ingredientes e fazer com que tudo encaixe. Quando tudo encaixa temos “o melhor restaurante do mundo”, resultado do trabalho e do génio de três irmãos, que gostam sobretudo de trabalhar juntos, e de continuar ao lado do restaurante tradicional dos pais, onde cresceram e que foi a sua primeira fonte de inspiração.